quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Dezembro vem o Nataaal ♪ _|_

Depois de um bom tempo sem ter o que escrever aqui, tive a incrível ideia clichê de reclamar sobre o Natal.
Eu não sei os motivos que as pessoas tem de não curtirem o Natal. Creio que seja pelo encontro entre parentes e toda aquela parafernália de amigo secreto, criançada correndo pela casa, tios metidos a engraçadões fazendo a tradicional piada do "pavê ou pra comer" (que no meu caso é minha avó) em que morro de inveja.
Não deve ser tão ruim passar por isso... Um Natal animado com uma família grande, todo mundo falando coisas idiotas e contando... Sei lá... Bobagens do passado o mostrando fotos antigas, talvez. Nunca passei por isso pra saber.

Não sei se os meus motivos são consistentes, apesar de nem esperar que sejam. São só os que me fazem/fizeram perder totalmente a magia. Tirando as das luzes que me encantam não sei por qual motivo. Posso passar a eternidade olhando aqueles pontinhos brilhantes colorindo a cidade.
Problema é que nesse ano a prefeitura deu de por umas luzes azuis e verdes nas arvores que fodem meu astigmatismo mais do que ele já é fodido.

Vamos aos motivos:
Eu sou uma criatura que não consegue parar de pensar um segundo se quer e, provavelmente, vocês não fazem ideia de como é irritante isso. *Para de digitar por segundos, distraída com o barulho do avião passando extremamente baixo por cima de casa* o_o~
... Numa dessas minhas crises parei pra pensar no Natal, descobrindo que não havia motivo algum para que eu goste dele. Seja por motivos pessoais ou não.

É uma celebração bacana se você tem uma família legal, sem nenhum tipo de problema e que não fique discutindo, cheia de conflitos, dividas e etc... O que é impossível! Você vai passar aquele momento "feliz" olhando pra cara daquela sua prima com ódio por ter quebrado o seu CD do Ramones o Natal passado (isso foi um exemplo, não tenho nem mesmo primas, acho). O que faz da festa algo... falso e obrigatório.

"És obrigado ser gentil e amigável, caso contrario... Papai Noel não ira encher suas meias de guloseimas"

As vezes o Natal pode ser uma boa forma de pedir desculpas por todas as merdas feitas no ano. Um dia único para se desculpar e no dia seguinte voltar tudo ao "normal", como se aquelas desculpas não foram ditas, ou melhor... Não significaram nada! (Dessa vez é pessoal)

Sem falar que a ideia de festejar o nascimento de Jesus só é levado a serio por avós e Roberto Carlos.
Esse mundo de hoje em dia. Tão cheio de ateuzinhos rebeldes que mal sabem a historia da bíblia e querem pagar uma de desacreditados para que todos vejam o quanto não precisam de ninguém, muito menos do que chamam de "amigo imaginário".
Foda-se, acredito em Deus na minha maneira, portanto... Que sentem no meu dedo, ateuzinhos. ):

Alias... A segunda postagem que farei sera sobre isso e mais outros tipinhos de pessoas que não suporto.

Aí esta o porque de não ir mais com a cara de tudo isso.
Mas não deixo de ver o lado bom também. Se não fosse por toda essa comemoração falsa decorada com pisca-piscas e bolinhas não teríamos Chocotone.

Feliz Natal, putaiada. ♥

domingo, 20 de novembro de 2011

Erros

Uma vez me disseram que sou uma pessoa "toda errada". Cada dia que passa tenho mais certeza disso pelas bobagem que faço e erros que cometo com pessoas que quero bem.
Não costumo a me apegar a ninguém ou as coisas que conquistei por sempre me aparecer algo novo a ser conquistado e o que havia conseguido antes acabava não me interessando mais. Mas quando eu grudo em algo de verdade o meu medo que que isso se vá é tão intenso, tão sufocante, que ninguém aguenta isso por muito tempo. Abraço forte de mais e termino quebrando o que me faz feliz.

Acabei percebendo que isso é errado.
Na realidade, sempre tive a noção disso não ser o certo, mas nunca parava e continuava a quebrar tudo que tenho e jogar o que ganho fora.
Talvez se eu juntasse tudo, por mais bobo que pequeno que seja, eu não ficaria tão louca e apegada ao que me importa muito e isso deixaria ambos os lados menos carregados.

Creio que desta vez o erro tenha sido grande de mais e algo me diz que posso ter perdido de novo. Espero que seja somente mais uma paranoia da minha cabeça e que possa voltar atrás, fazendo tudo do jeito que deveria ter feito antes.

Enquanto espero a poeira abaixar continuarei a me remoer aqui mais um pouquinho. \ô
*Já começou a se lamentar no Blog*

sábado, 19 de novembro de 2011

Sou uma pessoa obsessiva ):

Eu gostaria muito de entender certas coisas sobre mim que qualquer um poderia levar como burrice. Como levo assim também, sempre que conto para alguém em busca de conselhos sobre minha maneira de agir, a pessoa diz: "Então pare de fazer tal coisa já que te prejudica e te deixa assim tão mal".
Só que não é fácil.
O pior de tudo é ter de aguentar quieta por saber que são bobagem e não faz sentido algum sentir-me mal por elas... Ou faz e esse seja o motivo de me sentir assim. De qualquer forma não posso ter tudo como quero. Isso me irrita muito.

Tenho três saídas:
1) Tapar meus olhos
2) Aceitação
3) Me revoltar e dizer "não" há tudo que me incomoda

Motivos por não colocar as opções em pratica:
1) Tapar os olhos em situações de extrema importância é impossível. Por mais que eu tente impor limites a curiosidade, esses limites não duram por muito tempo. É o que chamo de burrice.
2) Aceitação é a melhor saída e a que mais recorro. Pena que seja complicado de mais e a terceira saída é o que mais me agrada quando tento essa segunda.
3) É estupido, arrogante, hipócrita e ridículo de mais tentar mudar algo ou alguém. Bater o pé, chorar e ter crises não adianta de nada, apenas afastara as pessoas de você. E também, se dependesse de mim, o que me importa estaria trancado num calabouço onde somente eu teria acesso.

Loucura, não é?

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Esperança...

De que eu não roa mais as unhas para ter umas iguais as essas da foto, são magnificas! ;_; ♥


Oingo Boingo - I Love Little Girls ♪

Essa música sempre me cai tão... Pedófila.
Mesmo assim ela tem o poder de me animar. xD
Oingo Boingo ♥




Por que Mello?

Não sei
Como disse na primeira postagem: meio que e cansei de quebrar a cabeça e tentar fazer algo fodão quando, quem sabe, que possa fazer algo fodão só que do meu jeito.
Desde criança as pessoas dizem que eu sou engraçada, o que eu não acho.
Já que eu não sou cult o bastante, interessante o bastante resolvi ser eu mesma para escrever aleatoriedades com intuito de me distrair *Sorriso Colgate*

Também eu e o Mello temos coisas em comum apesar de minha querida louca mamãe dizer que sou a cara do Lawliet por causa do cabelo, olheiras, vicio em doces e não sei mais o quê... O L é inteligente de mais pra ser comparado a mim.

GEMT! ADOREI DIZER QUE SOU BURRA
PAREI AGORA COM ISSO

O Mello nasceu no mesmo mês e dia que eu. Que aliás, mês que vem estaremos fazendo aniversário.
Ele ta morto então não vai ter muito com o que comemorar se não estiver em algum lugar no mundo dos mortos comendo centenas de barras de chocolate. Já eu, com certeza, terei mais um aniversário alegre em casa comendo um bolo que me compraram e voltarei ao PC contando nesse Blog qual foi o gosto. A diferença é que nesse ano faço 18 anos... Ninguém faz ideia de como isso me soa. Parece canto dos anjos chegando mais perto a cada dia que passa, vindo me tirar do inferno com uma plaquinha escrito "independência"
Meu cabelo é um pouco parecido com o dele no corte e agora sera na cor também já que pretendo deixa-lo loirinho como sempre quis. ♥
Vicio em chocolate, mas tenho vicio na maioria dos doces igualmente.

Legal do Mihael é que ele me passa uma mensagem totalmente masoquista pelo estilo de se vestir.
Cruzes, roupas de couro e aquela pelúcia no casaco... Sei lá.
Sei que a pelúcia não tem nada a ver com masoquismo
Masoquistas são interessantes... O masoquismo é interessante.

Coisas que se passaram na minha cabeça enquanto pensava no que escrever a seguir:
"Eu deveria ter feito um Blog sobre sadomasoquismo"
"APANHAR É INTERESSANTE AEUHAIEHAHEUIAHEUIAEHE"

Risada interna não se cala nunca!

Esses são os motivos pelo nome estupido do Blog e pela escolha do personagem
Encerro por agora *:

Kóe, putada

MEU DEUS! UM BLOG LEGAL!
UM BLOG QUE REALMENTE ACHEI LEGAL DE FAZER!
MILAGRE, CHEÇUS!!!!1!!1onze

Talvez eu nem leve essa porra longe como não levei todos os outros, mas mesmo assim, dessa vez achei que ficou legal. Minha cara por mais besta que pareça.
Vai ver eu seja mesmo besta.
Como podem ver não tem nada aqui. Nem plano de fundo tem! To escrevendo como escrevo no MSN também e to pouco me fodendo, cansei dessa ideia que eu tinha de que fazendo tudo certinho ou procurando coisas interessantes daria certo o Blog.

Ideia de um Blog que da certo: Muitas pessoas seguindo, vários comentário num Blog cheio de coisas interessantes ou melancólicas com tooodas as palavrinhas difíceis que eu souber no meu dicionario mental e parecer culta para meus fãs. *acena pro vento*

Sério... De onde eu tirei isso?
Enfim, foda-se

E nem vou ligar se ninguém ler também porque o Blog é meu. Fiz pra mim! 8D
Acabei de perder a ideia do que mais ia escrever no post então vai ser só isso aí... Meu olá esta dado. *: